Publicidade

Alfa Romeo com mais estilo. O ‘Tributo Italiano’ já chegou a Portugal

Texto: Francisco Cruz
Data: 16 de Fevereiro, 2024

Hoje em dia parte das chamadas marcas premium do grupo Stellantis, a Alfa Romeo procura a afirmação, já não apenas através da faceta desportiva, mas também do estilo e (algum) luxo. Como acontece, aliás, na nova versão de topo ‘Tributo Italiano’, que agora chega a Portugal, para toda a gama, e preços a condizer. 

O lançamento desta nova e mais exuberante versão, com a qual a Alfa Romeo pretende marcar o ano em curso, foi assinalado com um evento em Lisboa, em que os responsáveis nacionais da marca de Arese procuraram não apenas posicionar esta nova proposta, mas também recordar aquilo que ainda está para vir.

Sobre o novo ‘Tributo Italiano’, destaque, desde logo, para o facto de estar disponível em toda a gama do construtor, desde a berlina desportiva Giulia até aos SUV Stelvio e Tonale. Assim como com todas as motorizações: do bloco exclusivamente a gasolina de 280 cv  que equipa o Giulia e o Stelvio, até aos Diesel de 130  do Tonale e de 160 e 210 cv que estão disponíveis no Giulia e Stelvio. Mas também aos híbridos de 130 e 160 cv, além do plug-in de 280 cv, todos eles disponíveis apenas no Tonale.

Alfa Romeo Stelvio 'Tributo Italiano'
Alfa Romeo Stelvio ‘Tributo Italiano’

Em termos de equipamento e estilo, nota para o facto desta nova versão topo de gama (o Quadrifoglio continua a ser “caso à parte”…) estar disponível em três cores (as cores da bandeira italiana), cada uma específica para um modelo: Verde Montreal para o Tonale, Branco Alfa para o Stelvio e Vermelho Alfa para o Giulia. Todos eles dispondo, depois, de pormenores como o tejadilho em preto, capas dos retrovisores com uma pequena bandeira da Itália, escudo frontal em preto e pinças de travão Brembo em vermelho.

LEIA TAMBÉM
Alfa Romeo. SUV pequeno troca de nome e chamar-se-á Milano

Já no interior, vários elementos específicos, como é o caso das costuras no tablier, portas e bancos em vermelho, logótipo “Tributo Italiano” nos encostos de cabeça e, no caso específico do Tonale, novos acabamentos nos bancos desportivos em pele, além de uma luz ambiente em vermelho que ilumina igualmente a faixa frontal em carbono do tablier.

A partir de 61 170€

Ostentando um equipamento de série que pouco deixa para a lista de opcionais, uma vez que contempla não só os packs Veloce e Premium, mas também as jantes em liga leve (de 19” no Giulia, de 21” no Stelvio), o sistema de som Premium, a abertura elétrica da bagageira e a suspensão activa, esta nova edição especial apresenta, no caso da berlina Giulia, um preço de 71 800€, ou seja, apenas mais 3 500€ que o preço pedido pela versão Veloce.

No caso do Tonale, o ‘Tributo Italiano’ apresenta um preço de entrada de 61 170€, sinónimo dos mesmos 3 500€ de acréscimo face ao Veloce, enquanto, no SUV maior Stelvio, o preço de referência é de 82 500€, mais 5 500€ que a versão logo abaixo.

O interior do Tonale 'Tributo Italiano'
O interior do Tonale ‘Tributo Italiano’

Referir, ainda, que e a pensar especificamente nas empresas, a Alfa Romeo Portugal criou uma campanha de renting com o apoio da Leasys, ao abrigo da qual esta nova versão topo de gama pode ser adquirida com mensalidades a partir de 610€+IVA (Giulia), 385€+IVA (Tonale) e 740€+IVA (Stelvio).

Neste momento, o ‘Tributo Italiano’ já está disponível para encomenda, em qualquer um dos modelos da marca italiana, sendo que, a entrega das primeiras unidades a clientes, está prevista apenas para o mês de março.

Crescer é objectivo

Entretanto e quanto ao ano que está ainda a começar, os responsáveis da Alfa Romeo assumem como objectivo manter a marca na rota do crescimento, especialmente depois de um ano de 2023 em que o fabricante conseguiu ser o que mais cresceu (30% a nível global, 46% na Europa) entre as 15 marcas premium mais vendidas, sem qualquer modelo 100% elétrico, face a 2022. Surgindo agora no 9.º posto do ranking, ou seja, dois lugares acima daquele que ocupava no ano transacto.

Ainda em termos de vendas, destaque para a prestação do mais pequeno e recente dos SUV, o Tonale, com 79% das preferências, contra apenas 12% da berlina Giulia e não mais que 9% do Stelvio.

O Tonale dominou a maior parte das vendas da Alfa Romeo em 2023
O Tonale dominou a maior parte das vendas da Alfa Romeo em 2023

Também no caso específico do Tonale, nota, ainda, para o facto de 60% das vendas terem sido com a motorização híbrida plug-in, o que demonstra o virar do mercado para as energias alternativas.

Aliás e a procurar responder, precisamente, a esta tendência, os responsáveis nacionais da Alfa Romeo não deixaram de recordar o plano de transformação “Metamorphosis” que se encontra em implementação no fabricante e que visa fazer com que a marca de Arese chegue a 2027 com uma gama totalmente eletrificada. Sendo que, a partir dessa data, apenas modelos 100% elétricos serão apresentados, ainda que podendo manter-se em comercialização, por mais alguns anos, algumas das atuais gamas.

O regresso (elétrico) ao segmento B

Entretanto, este plano passa também por lançar um novo produto todos os anos, até 2027, a começar com a apresentação, ainda em 2024, do Milano – um novo SUV 100% elétrico, que será também o regresso da marca ao segmento B. Embora e neste caso, com um crossover.

O futuro Alfa Romeo Milano, ainda fortemente camuflado
O futuro Alfa Romeo Milano, ainda fortemente camuflado

Presentemente ainda numa fase de desenvolvimento, este novo modelo tem, no entanto, já data de apresentação agendada, para o próximo dia 10 de Abril, de forma a que a comercialização se inicie, muito provavelmente, durante o próximo verão, ou, o mais tardar, no outono.