Toyota é a marca mais valiosa, Tesla continua expansão

Texto: Miguel Policarpo

A Toyota mantém-se como a marca de automóveis mais valiosa, à frente da BMW e da Mercedes, apesar de ter registado uma quebra de 3% do valor. A Tesla continua a subir no ranking, atualmente classificada como a 8ª marca automóvel com maior valor, ganhando dois lugares na classificação e com uma evolução positiva de 32% na sua cotação.

A Toyota não tira o pé do acelerador. Apesar da quebra de 3% do seu valor para 25,5 mil milhões de euros, explicado pelo aumento de custos de produção e das flutuações das taxas de cambio, os nipónicos mantêm a liderança do ranking das marcas automóveis mais valiosas do mundo. Para trás ficam as alemãs BMW, a Mercedes, que completam o pódio e apresentam tendências inversas, pois a representante da Baviera desvalorizou enquanto a rival da estrela elevou a cotação em 8%. Esta é a 10ª vez nas 12 edições do estudo de mercado anual “BrandZ”, compilado pela empresa Kantar Milward Brown, em que a Toyota é a primeira fabricante de automóveis a aparecer na lista, que este ano é liderada pela Google.

(Toyota Prius Plug-In)

“A Toyota é vista como uma marca de confiança e de qualidade”, referiu Peter Walshe, diretor do estudo “Global BrandZ”, ao meio informativo Automotive News, acrescentando que mesmo quando há chamadas à revisão em veículos por erros da marca os clientes desvalorizam. Segundo este responsável, isto demonstra a qualidade que os consumidores associam à marca nipónica.

Se a Toyota leva o troféu, a Tesla segue na corrida ultrapassando a Land Rover e a Porsche. O fabricante dos Estados-Unidos registou um aumento de 32% do seu valor, estabilizado nos 5,24 mil milhões de euros. O responsável pelo estudo considera que o crescimento da Tesla se deve ao facto de que a marca “oferece não apenas automóveis, mas também uma promessa de futuro. Há a ideia de que proporciona uma experiência fantástica, uma opinião generalizada mesmo por quem não é proprietário de um Tesla”, comparando o caso da marca ao inicio do Facebook e da Apple.

Sublinha-se que a Land Rover, apesar de ter sido ultrapassado pela fabricante de veículos elétricos americana e estar situada na 9ª posição, regista um notório aumento do valor como marca em 17%, para os 4,88 mil milhões de euros. Uma situação que também se verifica com a Porsche, que encerra o Top-Ten das marcas mais valiosas e também viu o seu valor subir consideravelmente, com uma evolução de 16%.

No total, o valor do Top 10 das marcas de automóveis subiu de 123,6 mil milhões para os 124,2 mil milhões de euros, composto pela seguinte ordem:

  • 1 – Toyota – 25,5 Mil Milhões (-3%)

  • 2 – BMW – 21,8 (-8%)

  • 3 – Mercedes – 20,87 (+4%)

  • 4 – Ford –  11,63 (=)

  • 5 – Honda – 10,83 (-8%)

  • 6 – Nissan – 10,03 (-1%)

  • 7 – Audi –  8,35 (-1%)

  • 8 – Tesla – 4,35 (+32%)

  • 9 – Land Rover – 4,88 (+17%)

  • 10 – Porsche – 4,83 (+16%)

Consulte aqui todas as 100 marcas que compõe o estudo de mercado BrandZ

 

 

 

 

 

 

Partilhar