Continental revela gestor preditivo de conectividade

Texto: Carlos Moura
Data: 13 Março, 2018

Para análise da disponibilidade da rede de dados e a qualidade de receção da rede móvel, a Continental está a desenvolver o sistema Predictive Connectivity Manager.

A Continental está a desenvolver o sistema Predictive Connectivity Manager que se destina a fazer análise prévia da disponibilidade da rede de dados e a qualidade da receção ao longo de um determinado trajeto e depois tomar uma ação adequada. A nova tecnologia tem como objetivo principal ultrapassar algumas das situações familiares por todos aqueles que conduzem durante algum tempo em áreas rurais: reduzida cobertura da rede móvel, baixas larguras de banda e elevada irregularidade. Estas situações diminuem a experiência do utilizador, impedindo a transferência regular do seu estilo de vida digital para o veículo.

Este projeto é uma evolução da solução Smart Telematics que a Continental desenvolveu em conjunto com a Carnegie Technologies. Com a Smart Telematics já é possível agregar os canais de comunicação disponíveis para a obtenção de uma maior largura de banda ou mudar de canais quando a receção piora. O Predictive Connectivity Manager é um auxiliar que se destina não apenas a lidar com o surgimento de problemas de conectividade, mas também o desenvolvimento de gestão inteligente de dados e o descarregamento de estratégias para uma condução com maior antecipação.

Para calcular a qualidade da receção ao longo do trajeto que ainda tem de ser percorrido, o sistema de gestão de conectividade recolhe os dados relativos à disponibilidade e qualidade dos canais de comunicação dos veículos que circulam na mesma estrada, com base na posição de GPS como também na hora e dia da semana. Os dados são depois processados e analisados remotamente, sendo utilizada a cloud da Continental. A base de dados criada contem um conjunto de informação que inclui a intensidade do sinal, a largura de banda, o padrão da rede, como também o custo de estabelecimento de uma ligação à rede numa posição específica e a disponibilidade de diferentes redes e operadores.


Artigo publicado originalmente no site da Turbo Oficina

Partilhar