Audi anuncia inovadora personalização para a pintura

Texto: Nuno Fatela

Foi apresentado um novo processo que, segundo avança a marca, permite criar praticamente todos os efeitos com um acabamento mate mais resistente do que os habituais autocolantes colocados sobre as viaturas.

 

A Audi apresentou um processo patenteado de pintura automóvel para a criação de letterings e grafismos com acabamentos mate que vai estrear com os R8 Coupé e R8 Spyder. Para tal é pulverizado um pó especial que “raspa” secções inferiores a um milímetro da tinta, com a marca a destacar que este é um processo que poderá ser facilmente integrado no fabrico em série dos modelos. Por isso o Responsável de Produção do fabricante germânico, Hubert Waltl, afirma que este é mais um passo rumo à conceção idealizada para o futuro das instalações onde nascem os modelos da Audi, indicando que “ser capaz de implementar a individualização na produção em série é um dos objetivos da nossa fábrica inteligente”.

O fabricante de Ingolstadt explica que a pintura automóvel pode ser dividida em quatro partes, começando com uma camada de proteção anti-corrosão e posteriormente com um mínimo de três camadas de tinta, destinadas ao preenchimento, revestimento e finalizando o processo com uma lacagem transparente para proteger o resultado final. Com esta inovação, é pulverizado um pó especial sobre a laca, o que modifica a intensidade e brilho da pintura ao efetuar a raspagem de secções inferiores a um milímetro de espessura da tinta. A marca destaca que este processo confere um acabamento mate que é mais resistente aos elementos naturais do que os habituais adesivos, sendo já possível colocar padrões com dimensões máximas de 1m2 e todos os efeitos desejados. A Audi afirma ainda que após dar início a este processo com os R8, pretende futuramente alargar a outros modelos a possibilidade de contar com este acabamento mate para a pintura dos seus automóveis.

Partilhar